Papel de parede externo?

Postado em 29 julho , 2015

Papel de parede pode trazer muita elegância e garantir um visual marcante. A sua versão externa, no entanto, ainda é uma novidade para a maioria das pessoas. Apesar disso, a tendência é crescente e cria diversas possibilidades na hora de decorar o lado de fora do imóvel. Como não é um artifício de decoração amplamente difundido, ele pode acabar saindo mais caro, mas o investimento vale muito a pena para quem pode e quer renovar uma parede.

O material utilizado é bastante diferente daquele de interiores e os motivos são óbvios. Eles precisam ser muito mais resistentes para sobreviver o máximo de tempo possível às ações do tempo. A novidade foi apresentada em 2012 pela marca italiana Wall&Decò no Salão do Móvel de Milão do mesmo ano e permite a impressão de desenhos personalizados, conferindo exclusividade à cada modelo usado.

A aplicação também é diferente daquela feita nos papéis de parede comuns. Ela consiste em três etapas: um adesivo, um tecido técnico e uma camada de finalizador que garante à resistência ao vento, chuva, Sol e quaisquer outras alterações climáticas comuns. Por isso, não é recomendado a aplicação de material vinilizado: eles não foram feitos para as áreas externas. Veja algumas dicas de como incorporar o papel de parede externo:

papel de parede externo 2

papel de parede externo 3

papel de parede externo 4